Gravidez, parto e os seus direitos

2ae51f82250f9ba9d68ad4a38757087f--natural-birthing-natural-childbirth
Fonte: Pinterest

Uma das coisas que mais nos motiva em trabalhar com nascimento no Reino Unido são os direitos garantidos à todas as mulheres no momento de preparação, parto e pós parto.

Isso é tão poderoso, tão incrível que parece até mentira, mas não é. Claro que temos muitos protocolos atrelados aos hospitais infelizmente, e os profissionais que trabalham nessas instituições precisam garantir que os riscos sejam sempre minimizados. O lado positivo é, sem dúvida, a redução de risco mas, por outro lado isso acaba gerando uma padronização no atendimento e cada indivíduo acaba por tornar-se um número dentro de um grupo.

Aí que entram os nossos direitos. Você, gestante, potencial gestante, mãe, pai, etc, sabe que não é um número e que não precisa, necessariamente, ser tratado de forma padrão. A importância de reconhecer os seus direitos durante o seu processo é fundamental para que você não seja vítima do sistema, e acabe tendo uma experiência frustrante ou negativa.

É preciso confiar na sua equipe e saber que eles têm como principal objetivo a sua segurança mas, é igualmente importante confiar na sua capacidade em gerar, trazer seu bebê ao mundo e mantê-lo seguro, alimentado e feliz. Não existem protocolos que irão ver cada indivíduo com sua característica a todo instante, é necessário que você tome essas rédeas e que se muna de informação de qualidade, sempre.

E quais são os principais direitos durante a gestação e parto previstos em lei por aqui? A gente te fala:

  • Toda mulher tem direito a receber cuidados seguros e adequados.
  • Toda mulher tem direito à cuidados que respeitem sua dignidade humana.
  • Toda mulher tem direito à privacidade e confidencialidade.
  • Toda mulher é livre para fazer escolhas sobre sua própria gravidez e parto, mesmo que seus cuidadores não concordem com ela.
  • Toda mulher tem direito à igualdade e à liberdade de discriminação.

Parece tão óbvio e até meio bobo mas a verdade é que, embora esses direitos sejam garantidos eles foram conquistados, às custas de muita luta e esforço. Se informe e, se sentir que seus direitos não estão sendo respeitados você pode entrar em contato com o pessoal do http://www.birthrights.org.uk.

Por aqui nós estamos, como sempre, à disposição no caso de dúvidas.

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s